Covid, gripe e sinusite: Qual a diferença?

Entenda agora a diferença entre covid, gripe e sinusite

Apesar de possuírem algumas semelhanças, covid, gripe e sinusite não são a mesma coisa. E para saber qual a diferença entre uma e outra, continue a leitura!

Dor de cabeça, febre e coriza passaram a causar mais preocupação com o aparecimento da covid-19. Porém, nem sempre a pessoa pode estar contaminada pelo coronavírus.

O quadro é característico de algumas outras doenças e pode causar certa confusão. Por isso é importante conhecer os sintomas de cada doença e intensificar ainda mais os hábitos de prevenção.

Além dos sintomas parecidos, boa parte dessas doenças que estamos falando têm em comum a transmissão causada por um vírus. Febre, dores de cabeça e no corpo, cansaço e mal-estar são alguns sintomas comuns entre elas.

Alguns sinais, como o modo de evolução dos sintomas, podem até dar algumas pistas.

No entanto, especialistas em saúde dizem que só um exame de sangue ou um teste de laboratório específico – ou um autoteste no caso da covid – para as doenças podem confirmar o diagnóstico.

O que aprendemos durante dois anos de pandemia é o seguinte: se os sintomas gripais/respiratórios são leves, isole-se em casa e espere passar.

Caso você tenha sintomas fortes, como falta de ar e febre alta que não cessa com remédio, procure ajuda médica.

Logo a seguir nós vamos falar um pouco mais sobre covid, gripe e sinusite para te ajudar a diferenciar uma da outra.

Entenda agora a diferença entre covid, gripe e sinusite

Entenda agora a diferença entre covid, gripe e sinusite

Que covid, gripe e sinusite têm sintomas similares, você já sabe. Mas vamos entender um pouco mais a fundo cada uma dessas três doenças, começando pela covid-19.

A covid-19 pode se apresentar em três formas: leve, moderada ou grave. O diagnóstico pode ser feito por exame clínico e por testes de laboratório em amostras colhidas no nariz, principalmente.

Atualmente os sintomas mais comuns são: febre ou calafrios, tosse seca, falta de ar, cansaço, dores musculares, dor de cabeça, perda de olfato e/ou paladar, dor de garganta, congestão nasal ou nariz escorrendo, náusea, vômitos e diarreia.

Pesquisas recentes mostram que duas doses de vacina causam uma redução no tempo de duração de sintomas, que também é diferente em casos de outras doenças com sintomas parecidos.

Agora, falando sobre a gripe, ela é causada pelo vírus da influenza, que possui centenas de mutações. Esse é o motivo pelo qual a vacina contra a gripe precisa ser atualizada e administrada todos os anos.

A gripe pode ter sintomas bem semelhantes aos da covid-19. A diferença é que seu período de incubação tende a ser mais curto, ou seja, os sintomas surgem rápido (de um dia para o outro, muitas vezes) e a piora no quadro tende a ser aguda.

Os sintomas mais comuns da gripe são: tosse (geralmente seca), febre, dor de cabeça, dores no corpo, mal-estar e cansaço. Podem ocorrer dor de garganta, diarreia (especialmente em crianças) e coriza ou congestão nasal (nariz entupido).

Por fim, falando sobre a sinusite, ela é uma inflamação aguda ou crônica, dos seios da face. Pode ser causada por vírus ou bactérias além de poluição, choques térmicos, corpo estranho e alterações anatômicas no nariz. Seus sintomas incluem dor de cabeça, secreção espessa nasal ou posterior à garganta, tosse, alterações do olfato e febre são sintomas.

Seja covid, gripe ou sinusite, o ideal é sempre buscar um diagnóstico com um especialista, ou seja, com um clínico geral. E para isso você pode contar com a Imed Saúde! Entre em contato conosco e descubra os diversos benefícios em usar nossos serviços!

Contato

WhatsApp:
(15) 99102-3441
Telefone:
(15) 3234-9410
E-mail
contato@clinicaimed.com.br
rh@clinicaimed.com.br

Facebook