Informativo Febre Amarela

Informativo Febre Amarela

A Febre Amarela é uma doença causada por um vírus que é transmitido através da picada de mosquitos do gênero Haemagogus e Sabethes. O habitat desses mosquitos são as copas das árvores em áreas de mata nativa, onde eles se alimentam do sangue de primatas, como bugios e saguis, no chamado Ciclo Silvestre da doença. Quando há a interferência do ser humano nesse ambiente ou a sua presença (por exemplo, no caso de turismo ecológico ou até mesmo no caso de trabalhadores rurais), esses mosquitos podem eventualmente transmitir o vírus, originando o chamado Ciclo Rural da doença.  Ainda existe o Ciclo Urbano, que ocorre quando um ser humano infectado chega ao meio urbano e o vírus se adapta ao mosquito Aedes aegypti.

A maioria das pessoas infectadas não desenvolve sintomas ou manifestam apenas sintomas leves. O período de incubação (período entre a infecção e a manifestação dos sintomas) pode durar de 3 a 6 dias e os sintomas iniciais incluem: febre de início súbito, calafrios, dor de cabeça, dores nas costas, dor no copo, fadiga, fraqueza, náuseas e vômito. A maioria das pessoas infectadas melhora após esse período, porém uma pequena parcela (cerca de 15% dos infectados) pode desenvolver a forma mais severa, manifestando febre alta, icterícia (amarelamento de olhos, pele e mucosas), sangramento e, eventualmente, choque e falência múltipla dos órgãos. As pessoas que desenvolvem sintomas podem sentir fraqueza e fadiga durante meses após a recuperação da doença e dentre os que desenvolvem a forma severa da doença, em torno de 20 a 50% vem a óbito. Os que sobrevivem adquirem imunidade contra o vírus pelo resto da vida.

Não há tratamento específico para a doença, sendo apenas utilizados medicamentos para alívio dos sintomas, tais como analgésicos, antitérmicos e fluidoterapia para hidratação. Nesse período é muito importante que o paciente permaneça em repouso e evite medicamentos como aspirina e outros antiinflamatórios não-esteroidiais, pois estes aumentam o risco de hemorragia. Estas pessoas devem ser protegidas de eventuais picadas de mosquitos, através do uso de mosquiteiros e repelentes, para evitar que o mosquito pique novamente, diminuindo o risco para as pessoas ao redor. É imprescindível a procura de ajuda médica.

Evitar as picadas dos mosquitos é a melhor forma de prevenção e deve ser feita através do uso de repelentes e de roupas compridas em regiões de foco da doença e de mata. A prevenção através da vacinação é recomendada apenas para pessoas a partir dos 9 meses de idade e que residam ou irão viajar para áreas com risco de transmissão.

É importante que a população continue evitando a propagação do mosquito Aedes aegypti, não entre em pânico e procure sempre informações em fontes confiáveis como sites de Órgãos Oficiais do Governo, Universidades ou Instituições de Pesquisa.

Referencia

https://www.cdc.gov/yellowfever/index.html

Autora: Debora Fernanda Pedrozo Pavani (Médica Veterinária)

 

Contato

WhatsApp:
(15) 99102-3441
Telefone:
(15) 3234-9410
E-mail
contato@clinicaimed.com.br
rh@clinicaimed.com.br

Facebook

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.