Janeiro Roxo - A hanseníase tem cura? – CLÍNICA IMED SAÚDE

Janeiro Roxo – A hanseníase tem cura?

A hanseníase tem cura

Janeiro Roxo – A hanseníase tem cura?

No nosso último artigo falamos sobre o Janeiro Branco, uma campanha que tem por objetivo conscientizar as pessoas sobre a saúde mental e sua importância. Inclusive, se você ainda não leu esse artigo, recomendamos que leia, pois tem informações valiosas! Mas neste artigo aqui que você está lendo agora, vamos falar de uma outra campanha que também é promovida no mês de janeiro, que é o Janeiro Roxo. Continue lendo para saber mais!

No dia 30 de janeiro deste ano será celebrado o Dia Nacional de Combate e Prevenção da Hanseníase. Com o objetivo de conscientizar a população sobre os sintomas e a existência de tratamento para essa doença, tão estigmatizada e negligenciada, criou-se o Janeiro Roxo.

O Brasil é o segundo país com maior número de casos de hanseníase no mundo, ficando atrás somente da Índia. Em nosso país ocorrem cerca de 30 mil novos casos da doença por ano.

A enfermidade, antigamente conhecida como lepra, ainda traz o preconceito e a discriminação. Isso ocorre pela generalizada falta de informação da população a seu respeito.

Em tempos passados, as pessoas que tinham hanseníase eram afastadas da sociedade e encaminhadas para centros de tratamentos, conhecidos como “leprosários”, onde permaneciam isoladas para o resto da vida, sem contato com os familiares.

Isso acontecia, pois não existia medicamento eficaz. Hoje em dia, a situação é completamente diferente. Os pacientes não precisam ser internados e excluídos da sociedade, pois existe tratamento, inclusive fornecido gratuitamente pelo governo.

Janeiro Roxo: o que é a hanseníase?

o que é a hanseníase?

Acabamos de responder a pergunta que dá título a este artigo e, como você pôde notar, a hanseníase tem cura sim. Mas ainda não saia desta página, pois queremos compartilhar com você mais algumas informações relevantes sobre a hanseníase!

Afinal, estamos aqui falando da hanseníase, mas o que é a tal doença? Como ela é causada, transmitida e como se manifesta? É o que você descobrirá agora:

A hanseníase é uma doença infectocontagiosa, causada por uma bactéria chamada Mycobacterium leprae.

O homem é a única fonte de transmissão, tal qual acontece por meio do ar, por gotículas de saliva e aerossóis eliminados pelas vias aéreas.

O contágio ocorre somente por contato íntimo e prolongado com uma pessoa doente e os sintomas podem demorar em torno de cinco anos para aparecer, pois o bacilo se reproduz muito lentamente.

Um dado importante: somente 10% das pessoas não nascem com defesas naturais contra a bactéria.

Entre os sinais e sintomas da hanseníase podemos destacar os seguintes:

  • manchas na pele (brancas, avermelhadas ou acastanhadas) associadas à diminuição ou ausência de sensibilidade tátil, térmica e dolorosa.

  • fraqueza muscular.

  • sensação de formigamento.

  • inchaço e dor nas mãos e pés.

  • choque, fisgada e dormência nos nervos acometidos.

  • perda de pelos em algumas áreas.

  • feridas e ressecamento no nariz.

  • pele seca.

  • febre e mal-estar.

O controle da hanseníase é um desafio , inclusive pelos profissionais da área de saúde, por falta de conhecimento, em se fazer o diagnóstico precoce. Por isso a importância do Janeiro Roxo.

Caso você apresente algum destes sintomas, é importante procurar um dermatologista. E para isso, você pode contar com a Imed! Além de ótimos preços, você tem direito a descontos exclusivos com o Cartão iSaúde. Entre em contato e saiba mais!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.