Qual a função do urologista e como ele age contra o câncer de próstata? – CLÍNICA IMED SAÚDE

Qual a função do urologista e como ele age contra o câncer de próstata?

Qual a função do urologista e como ele age contra o câncer de próstata

Qual a função do urologista e como ele age contra o câncer de próstata?

Na medicina existem diversas especialidades, cada qual com a sua importância. E neste artigo nós iremos falar qual a função do urologista e como ele age contra o câncer de próstata, devido ao Novembro Azul e toda campanha de conscientização para prevenir a doença. Uma ótima leitura para você!

Em primeiro lugar, muitos pensam que o urologista é uma espécie de “ginecologista para homem”. Mas não é bem assim!

O médico urologista é o responsável por diagnosticar e tratar doenças do sistema urinário, que inclui órgãos, como a bexiga e os rins, e canais, como a uretra e os ureteres. Para problemas desse tipo, tanto homens quanto mulheres devem procurar o profissional.

Porém, neste artigo nós iremos nos concentrar no câncer de próstata e como o urologista pode ajudar a resolver este problema.

E por falar em próstata, ela está presente no organismo masculino e se localiza logo abaixo da bexiga, envolvendo a uretra.

É uma glândula que faz parte do sistema reprodutor masculino, produzindo um líquido rico em substâncias, que se junta à secreção da vesícula seminal e do testículo para formar o esperma.

É de suma importância que você, homem, faça uma consulta com o urologista anualmente para que seja feito um check-up e possam ser esclarecidas possíveis dúvidas.

Já que o urologista também possui como função a avaliação dos órgãos reprodutores masculinos, diagnóstico e tratamento de disfunções sexuais masculinas.

Além disso, é considerado imprescindível que os homens a partir dos 50 anos consultem o urologista de forma regular.

Mesmo que não existam sinais e sintomas de alterações, uma vez que a partir dessa idade há maior risco de desenvolvimento de câncer de próstata.

Saiba mais sobre qual a função do urologista e como ele age contra o câncer de próstata

Caso exista na família histórico para câncer de próstata ou caso o homem seja afrodescendente, é aconselhado fazer seguimento com um urologista a partir dos 45 anos de idade, para realizar regularmente o exame do toque retal e outros, com o objetivo de avaliar o funcionamento da próstata e, assim, prevenir a ocorrência do câncer.

Além do atendimento em consultório, o urologista também atua realizando procedimentos diagnósticos e terapêuticos, como cirurgias, em diversos órgãos.

E um dos procedimentos que o urologista realiza é o exame de próstata. Conjuntamente, a análise laboratorial e de imagem é importante para a identificação de doenças neste e em outros órgãos geniturinários.

A avaliação de um urologista de forma geral é responsável por investigar as seguintes situações:

  • Próstata aumentada ou hiperplasia prostática benigna.

  • Prostatites (inflamações da próstata).

  • Infertilidade masculina.

  • Disfunção sexual.

  • Incontinência urinária e bexiga hiperativa.

  • Cistites (infecção de urina).

  • Cálculos renais (pedra nos rins).

  • Tumores no trato urinário, como o câncer de próstata, bexiga, rins, pênis e testículos.

Embora haja um grande receio pelos homens, o exame de toque retal da próstata é fundamental para avaliar se há quaisquer alterações na próstata, que podem ser desde inflamações ao câncer.

O exame de laboratório mais conhecido e solicitado é o PSA, que vai medir a quantidade desta proteína no sangue.

O Antígeno Específico da Próstata alterado pode levar ao diagnóstico de doenças neste órgão, incluindo o câncer de próstata.

Amigo leitor, independentemente de sua idade, queremos que você viva mais, cuidando da sua saúde! E é por isso que temos uma equipe dedicada em fazer o melhor para atender você!

Marque sua consulta conosco o quanto antes! Além de preços justos, você tem direito a descontos exclusivos com o Cartão iSaúde! Fale com a nossa equipe e saiba mais!